Terça, 07 Setembro 2021 09:38

MP EM DEFESA DAS REDES SOCIAIS

Avalie este item
(1 Votar)

Bolsonaro assina MP para limitar remoção de conteúdos das redes sociais

Presidente tem criticado decisões do STF e do TSE que miram canais e páginas investigadas pela disseminação de notícias falsas

  • Por Jovem Pan

Na véspera das manifestações bolsonaristas convocadas para esta terça-feira, 7, o presidente Jair Bolsonaro assinou uma medida provisória (MP) para limitar a remoção de conteúdos das redes sociais. A decisão foi anunciada pelo perfil da Secretaria de Comunicação Social (Secom) no Twitter.

“O Presidente Jair Bolsonaro acaba de assinar medida provisória que altera o Marco Civil da Internet, reforçando direitos e garantias dos usuários da rede e combatendo ‘a remoção arbitrária e imotivada de contas, perfis e conteúdos por provedores'”, diz um trecho da nota divulgada pelo órgão. Ainda segundo a Secom, a MP visa garantir a “liberdade de expressão”. O texto deve ser publicado no Diário Oficial da União.

Em audiência na Câmara dos Deputados, no final do mês de junho, o ministro do Turismo, Gilson Machado, afirmou que a proposta foi gestada em sua pasta e contou com o apoio dos ministérios da Justiça e da Ciência e Tecnologia. À época, os parlamentares que integram a Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Casa criticaram o projeto e afirmaram que o assunto só poderia ser regulado por lei.

Nas últimas semanas, Bolsonaro tem criticado ações do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contra páginas e canais bolsonaristas investigados por disseminar notícias falsas. Em uma entrevista à Rádio Capital de Cuiabá, em 17 de agosto, o chefe do Executivo federal afirmou que o corregedor do TSE, Luis Felipe Salomão, cometeu uma “barbaridade” ao dar “uma canetada para desmonetizar certas páginas de pessoas  que têm criticado a falta de mais transparência no voto”.