Twitter

AOS DAMORIDAS/RR... Prefeitura de Boa Vista entrega hoje, 21, novos ônibus para atender a população e o prefeito faz lançamento do aplicativo Bus2. A solenidade será às 8h, no Parque do Rio Branco.
Aos DAMORIDAS - A balbúrdia que se faz neste Governo Denarium, onde se tem visto farra com dinheiro público, e o silêncio da justiça, é mais uma vez vivida quando da tal Festa de Arraial do Parque Anauá é suspensa, justamente por suspeitas de ilegalidade na contratação de empresa ao evento; algo q tem sido normal dos atos de Antonio, o governador cassado!
AgN - DA GERAL… Direto do Congresso, o que se pôde ver é que a pressão contra Governo Lula tem sido cada vez maior pq o próprio Governo abre brechas para ser atacado, e exposto como vilão, pelas dúvidas que lhe são apontadas. É o caso do leilão do arroz e a desistência de Pimenta em enfrentar os deputados, só ajuda a piorar imagem do Governo. Lula não tem gostado disto!
AOS JARAQUIS - AM... Procon-AM autua supermercado por venda de peixe com peso diferente entre balanças e com preço do produto elevado. A intervenção ocorreu após denúncias de que o estabelecimento estaria comercializando peixes com preços divergentes dos indicados nas etiquetas...Leia mais no site abaixo
AOS DAMORIDAS - RR... O POD PREFS BV desta terça-feira, 11, vai trazer novidades sobre a Maior Feira da Agricultura de Roraima, a Agro BV, edição 2024.  O programa vai ao ar a partir das 19h, no canal da Prefeitura de Boa Vista no YouTube e nas principais plataformas digitais.
Aos DAMORIDAS - RR… O que saiu no site O Antagonista, reverberando uma citação do presidente Lula para o ‘senador sem mandato’, Romero Jucá é justamente a realidade que o povo roraimense vive há tempos, onde tem confiado em Jucá, que continua ajudando o Estado, especialmente Boa Vista, com recursos, e Lula disse q ele é esperto pq tem prestígio como se tivesse mandato.

21 de junho de 2024

1200X200 2
play
play
IMG_9280
Créfito/imagens:
PRESIDENTE AFIRMA, RR 'ESTÁ UM CAOS E SEM RUMO'
Redação AgN
Em 19 de maio de 2024
play

Compartilhe

Em mais uma entrevista para os ouvintes de rádio, desta vez na Tropical FM, 94, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado soldado Sampaio reafirmou que Roraima está sem rumo.

“Está um caos, sem rumo. Parece que não é prioridade do Estado”

O deputado que se descobriu ‘sacaneado’, ‘traído’ e ‘investigado’ ilegalmente pelo governador, diz em entrevista o que todos já percebem há tempos, que a situação caótica da saúde pública em Roraima tem sido algo criado pelo atual governo, que não demonstra saber como, de fato, resolver os problemas do Estado.

Um gargalo político, que vem entalando e humilhando o povo, especialmente às mães.

Trata-se da reforma do prédio da Maternidade Nossa Senhora de Nazareth, a única do Estado, onde Sampaio afirma – “Virou roteiro de novelão mexicana”.

O presidente da ALERR quis dizer, em outras palavras, que a obra, ali, tem começo, mas, ninguém nunca sabe quando acaba e nem como.

 

“É uma questão grave num Governo que parece não ter a saúde pública como prioridade. Não é possível, não pode ser aceitável, é algo desumano o que assistimos todos os dias em relação ao que acontece sob aquelas tendas onde funciona a maternidade improvisada, a ‘maternidade de lona’. Falta uma força de gestão porque dinheiro há. Mães e crianças morrendo, clamor na sociedade, apelos dos mais diversos e o Governo não consegue resolver a questão. Irresponsabilidade total de quem está no comando da gestão da Saúde em Roraima”, disse.

Para Sampaio, o Governo Denarium é de uma falta de gestão gritante, contrastando, justamente, com o tema principal de campanha do governador, cassado, que no primeiro mandato, afirmava que “dinheiro tinha, faltava gestão”, criticando a gestão de Suely Campos.

“Hoje, o dinheiro garantido para a Saúde Pública em Roraima é vultoso. Conseguimos aprovar 18% do orçamento geral do Estado para a Saúde. Mas não vemos resultados práticos, porque as queixas da população são diárias, as denuncias de desvio do dinheiro na Sesau são constantes – e ai estão as operações policiais que confirmam isso – mas a mão do governo não consegue entregar ao povo um atendimento efetivo, digno e satisfatório”, enfatiza Sampaio.

Para tais feitos errados, e falhas, desta saúde pública miserável, Sampaio determinou que a Comissão de Saúde da Casa fique atenta, e por várias vezes em investigado denúncias que pesam contra Secretaria. Nest trabalho da Assembleia, o presidente disse que conta também com o auxílio dos órgãos de controle como o MP de Contas, o Ministério Público Estado, o TCE.

Mas é necessário quebrar algumas resistências dentro da Sesau, “que é gerida com mão de ferro, sem diálogo com a sociedade e com o próprio legislativo”.

 

Maternidade de lona’, uma das maiores vergonhas deste Governo, que só tem humilhado o povo, quanto mais as mulheres’

Sem Conselho

Segundo Sampaio outra deficiência que colabora com o caos no setor é porque o Conselho Estadual de Saúde não existe mais. Está inoperante, desassistido pelo governo e praticamente não funciona mais. Ele sugere que o Ministério Público abra os olhos para isso e decrete uma intervenção no Conselho Estadual de Saúde, porque ele serve de elo com a comunidade e sem seu funcionamento fica impraticável ter acesso às informações do que acontece na Secretaria.

Ele encerrou as críticas à Saúde Pública afirmando que a questão da maternidade é grave e ao mesmo tempo absurda e inaceitável.

“Não aceitamos que mães e seus filhos morram por uma irresponsabilidade do poder público. Enquanto a reforma da maternidade estadual se arrasta já anos, consumindo um valor absurdo de dinheiro, a ‘maternidade de lona’ joga na lama a imagem de um governo decadente”.

 

QUESTÃO FUNDIÁRIA

O problema fundiário em Roraima, que sofre muitas denúncias de grilagem, desvio de finalidade, roubo de terras, irregularidades no Iteraima e até mortes estão acontecendo em função da ação torpe do governo, que vem tratando a questão pelos interesses escusos e nebulosos.

É preciso que haja uma apuração severa nas ações do Iteraima que se descubra o que está acontecendo, por tem muita coisa errada acontecendo e muitas famílias apavoradas pela ameaça de perdem suas terras, já reconhecidas e tituladas”.

Para Sampaio é obrigação do Estado resgatar a política fundiária, que se arrasta há décadas. Ele disse que o problema as agravou nos últimos dias porque algo estranho está acontecendo no âmbito do processo de regularização de títulos de propriedade, sobretudo de pequenos agricultores do interior onde ficou constatado que está havendo sobreposição de georreferenciamento sobre terras já legalizadas.


“Há equívocos gravíssimos na condução da política fundiária atualmente no Estado. Houve no passado e está havendo agora desvio de finalidade. Há um verdadeiro retrocesso, porque os pequenos produtores é que estão sendo prejudicados. Há muitas 
denúncias sobre irregularidades no Iteraima. E podem ter certeza que estamos atentos. Tanto que o Governo encaminhou um projeto de regularização fundiária à Assembleia, com pedido de urgência, mas diante de tantos pontos controvertidos no projeto e por não ter havido diálogo com a comunidade interessada, que é o setor produtivo, sobretudo os pequenos agricultores e com Poder Legislativo é que resolvermos retardar sua votação até que tudo seja sanado. O projeto vai ser modificado para que atenda ao interesse coletivo, dos produtores e não ao gosto do governo. E pelo volume de emendas já apresentadas, sua conclusão será demorada. Mas só vamos aprovar depois de aperfeiçoá-lo”,
disse Sampaio.

ELEIÇÕES EM BOA VISTA

 

Eleição de out

Sampaio destacou que existem duas candidaturas – as pré-candidaturas do prefeito Arthur Henrique, que disputa reeleição e do deputado federal Nicoletti, que tem união com o governador, este mesmo Denarium que lá atrás, este mesmo Nicoletti quis o seu impeachment, fazedno até vídeos sobre isto, nas suas rede sociais, afirmando que o governador merecia ser cassado pelos deputados.

Eu até vejo viabilidade na candidatura da colega Catarina Guerra. Mas não acredito que seja candidata, porque necessita de um Partido para isso. E Nicoletti já bateu o martelo que o pré-candidato será ele”.

Segundo Sampaio o grupo do Governo não tem candidatura colocada no momento e pelas confusões iniciais, inclusive com a precipitação de lançar Catarina sem a anuência do Partido, terá dificuldade em formar uma candidatura capaz de ganhar a eleição.

“Não sei se o governo vai ter condições de viabilizar um candidato forte. A situação lá é complicada”, avaliou Sampaio.

Sampaio deixa claro que desistiu de sairá candidato a prefeito de BV, e que na hora certa se pronunciará sobre seu apoio, que muitos ao seu lado garantem que será para o prefeito Arthur.

Sampaio não esconde que tem apoiado as ações do prefeito, admira o seu trabalho.

“A verdade é que o Arthur tem se mostrador um excelente administrador, um prefeito que direciona todas as ações da Prefeitura para o coletivo. E Boa Vista, convenhamos, está linda”, disse.

 

CASSAÇÃO DE DENARIUM

 

Ainda que entenda que a cassação do mandato de Denarium não seja bom para o Estado, Sampaio destac que houve, sim, abuso de poder político e econômico nas eleições de 2022, tanto que a Justiça Eleitoral constatou os crimes e o cassou no âmbito da Primeira Instância. E diante disto tem que haver a mudança deste atual quadro calamitoso.

“O que se espera agora é que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) apresse o julgamento em Brasília e defina logo se mantém a cassação ou se o absolve. A verdade é que queremos logo um desfecho para essa situação”.

Sampaio disse ainda que se houver cassação do mandato de Denarium, em caso de uma eleição suplementar, estará pronto para assumir o governo temporário do Governo e comandar o processo na forma mais transparente e democrática possível.

“Não é interessante convivermos com essas incertezas. Temos um governador cassado, mas que continua no mandato. E isso não é bom para o Estado, porque gera inconsistências até em suas atitudes e muitas desconfianças”.

Sampaio voltou a afirmar que sua saída do grupo governista envolve verdadeira escala de eventos.

“Denarium não dialoga com ninguém, leva o governo na mão de ferro e só a opinião dele é a que vale. Não dialoga nem com o povo e nem com o Legislativo e muito menos com aliados. E para mim esse tipo de relacional unilateral não serve. Se somos grupo, tudo tem que ser decidido no coletivo. Mas para Denarium é ele, ele, e só ele”.

Com Blog do Perônico
Play Video
Play Video
a8289f75-a984-4901-a521-e4889e4730fe
80dfd71a-df5d-4330-b299-81b3ece6a074
42039c51-3428-4ea3-854f-c6cc6b94ca44
IMG_9283